PhD Program in Design

UP_ID+_UA_UPTEC

Contribuições de experiências em design participativo para pessoas em contextos socialmente desfavorecidos

Contribuições de experiências em design participativo para pessoas em contextos socialmente desfavorecidos

Cecília Peixoto Carvalho

cecilia

A relação designer-utilizador, mais concretamente a relação de poder, é um aspecto indissociável na análise do envolvimento do utilizador em projectos de design. Na comparação entre diferentes níveis de envolvimento do (e com) utilizador, é através das relações de poder que se explica o crescente empoderamento do utilizador orientado ao “design emancipatório” (Carr-Chellman & Savoy, 2004). Essa relação de poder irá determinar quem faz o quê a/com quem, de quem são os interesses em jogo, quem inicia a acção e porque motivos, quem define o problema e decide se existe um problema (Schuman, 1993).

A abordagem participativa assume que todos podemos contribuir para o processo de design desde que disponibilizadas ferramentas apropriadas (Sanders,2002).
Terá a prática do design mais para oferecer além do produto final?
Poderão as experiências de Design Participativo contribuir positivamente para a vida de pessoas em contextos socialmente desfavorecidos?

Sendo a zona mais desfavorecida da cidade do Porto, a freguesia de Campanhã foi a área de intervenção escolhida para esta pesquisa.
Enquadrada na lógica da investigação-acção, onde serão aplicados métodos etnográficos e workshops, esta investigação tem como objectivo principal o desenvolvimento de experiências de design com vista ao empoderamento incremental de habitantes de Campanhã visando a sua emancipação e as respectivas ferramentas, colaborando com os esforços existentes na área de apoio à comunidade.

Advertisements
%d bloggers like this: